Pinterest

segunda-feira, 6 de abril de 2009

06 de abril

Nada como 4 doses de Granulokine para a vida - digo, neutrófilos e leucócitos voltarem ao normal. Na sexta-feira, segunda dose, já tinha dor. No sábado, acionei o bip para saber se podia tomar algo além do bom e velho paracetamol. Depois de devidamente medicada com anti histamínico, as coisas melhoraram. Dormir ainda é complicado, mas dá-se um jeito.

Índices de hoje: o leucócito, que antes estava em 1.900, hoje acordou em 19.600 (deve ficar no mínimo com 4.500); o neutrófilo, que antes estava em 475, bateu na casa dos 14.112 (quando o mínimo é 1.000). Enfim, quinta-feira faço novo hemograma, só pra certificar, e tem quimio logo depois. Véspera de feriado no CPO.

4 comentários:

Cristine disse...

Olá, Juliana!

Acabei de ler seu blog, parabéns pela organização e iniciativa de falar abertamente sobre essa fase tão complicada de sua vida.
Eu também estou em tratando Hodgkin, e é sempre bom conhecer outras pessoas que passam por situação semelhante, podemos dividir esses "pedaços" com quem realmente nos entende. E também tenho um blog, mas o meu é todo bagunçado, não tem essa organização toda... tem horas em que começo um assunto e termino noutro... Mas o bom mesmo é desfrutar essa liberdade, mesmo que virtual.

Abraço

Cristine disse...

Ah! lembrei de uma coisa!

Eu estou na 11ª sessão, e nunca precisei tomar granulokine, uma das explicações para isso, é um suplemento alimentar que meu médico me receitou, chama-se forticare. Pergunte ao seu médico se isso te ajudaria.

carol disse...

Força minha irmã!!!!!!!!! Já passou da metade, ou seja, está acabando. ( Meio Poliana, mas está valendo!)

Carol

. Bruna . disse...

mais uma pessoa com o linfoma, não que isso seja bom, mas é mais alguém para compartilhar aqui a sua história.

me chamo bruna, e meu namorado tem um linfoma, conto no meu blog a história dele, vou add você ta?

o blog dele é: linfomaniaco.blogspot.com

=* beijo.